segunda-feira, 23 de março de 2009

JARDINEIRO

(FOTO LIV EDGEWORTH)

Ao poço fundo
que continha
e vertia
tanta mágoa
minha

bastou
poucas pás
da tua terra fértil

para florescer
no lugar
o jardim
dos meus sorrisos.

Malu Sant’Anna

2 comentários:

Miss T disse...

Minha amada amiga, lindo texto! Estou louca de saudades de nossas trocas diárias, escrevo sempre melhor quando trocamos figurinhas, rsrsrs.

Só pra não perder o hábito:
Bom dia!! (Colorido)

Lena disse...

Ao tom de tua alma(linda) bastam poucam palavras para compor tão lindos versos. Mamuskita...demorei mas...I'm here!!! rss Lindo, sempre! Amote+