sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

O VÔO DA FÊNIX

O Vôo da Fênix
IMAGEM LUÍS LOBO HENRIQUES


Hoje morri e revivi
Me senti como a Fênix
Que conhece o seu fim
Senti o peso dos anos
E a vida que passou
Senti a tristeza que dominou
E falta do que não vivi
Vi meu corpo se desfazer
E para algum lugar distante
O Vento me levar
Sem a história terminar
Mas semelhante à Fênix
Me vi ressurgir das cinzas
Agora mais bela e altiva
Totalmente imponente!
Dona de mais uma longa vida,
Até que novamente retorne...
às CINZAS!!!
Felicity

2 comentários:

Malu disse...

O vôo em nós mesmos é aquele que nos renova. Introspectivo, mas que aflora. Mto bom, Felicity. Bjus.

Felicity disse...

Obrigada Maluzinha pelo carinho, descobri que só renascendo dia após dia é que sou capaz de ser feliz. bjs no core.