quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

DELIRIUM

Delirium

FOTO: DDiArte


Perco-me tanto em sensações loucas que crio que ao perceber o desvario eloqüente já não sei quem eu sou: se personagem de minha mente fragilizada ou se sou isso mesmo, resultado de influências externas, causa única e primeira de algo que me tornei. Eu rio alto, escandalosamente, e choro na mesma intensidade para chamar a atenção.
Sou calma, na maioria do tempo, mas trago escondido um olhar de Bette Midler, que me faz inesgotável na lucidez dos fatos. Pinto minhas cenas num vermelho-almodóvar tão intenso que dói nas vistas de quem se atreve a olhar essa promiscuidade visual com toque expressionista. Se eu fosse um filme, seria um filme trash, cujo roteiro mexicano, seria dirigido pelo Tarantino, repetindo os clichês de estilo noir. Eu venço pelo exagero.
Trago comigo cores e dramas intensos, que nem um olhar sensato suaviza a interpretação. Sou covarde como um leão na jaula, mas vivo como cobra num ninho, sou over, blasé, sou duelos enfrentados por tantas “personas” dentro de mim.
Gosto do gozo fácil, da hora desmarcada, sou uma cena desfocada de películas antigas, James Dean correndo em seu carro e estraçalhando em forma de mito, em poeiras cósmicas, com luzes de letreiros néons piscando irritantemente sob o capô do automóvel.
Eu gosto do luxo do lixo, e fuço-o usando máscaras para evitar a expansão dos gases lacrimogêneos, porque embora não aparente, eu sou sensível. Eu admiro ídolos de papel, gosto do mau gosto e de meus sentimentos pouco nobres.
Arrisco-me a dizer que sou uma expansão de algum sonho meu, sou tão fútil, tão inocentemente vulgar, tão antigo e casto, tão kitsch... Guardo lembranças e finjo esquecê-las, não entendo muito as razões do outros, mas as minhas são normais: eu quero o muito do pouco, todo dia.

Gleidi Campos (Amorinha)

4 comentários:

Malu disse...

Fantástico. Um dos meus preferidos, entre tanto que gosto. Perfeito. Totalmente Eva!

Malu disse...

A foto tmbm.Espetáculo!

Diego disse...

essa mulher me fascina!

Miss T disse...

Adorei o texto, lindas imagens se passam com ele. Beijo Amorinha...